08/01/2012 a 14/01/2012
11/07/2010 a 17/07/2010
21/02/2010 a 27/02/2010
29/03/2009 a 04/04/2009
22/06/2008 a 28/06/2008
27/04/2008 a 03/05/2008
30/09/2007 a 06/10/2007
14/05/2006 a 20/05/2006
11/12/2005 a 17/12/2005
02/10/2005 a 08/10/2005
11/09/2005 a 17/09/2005
28/08/2005 a 03/09/2005
31/07/2005 a 06/08/2005
10/07/2005 a 16/07/2005
03/07/2005 a 09/07/2005
12/06/2005 a 18/06/2005
05/06/2005 a 11/06/2005
22/05/2005 a 28/05/2005
15/05/2005 a 21/05/2005
01/05/2005 a 07/05/2005
24/04/2005 a 30/04/2005
17/04/2005 a 23/04/2005
03/04/2005 a 09/04/2005
27/03/2005 a 02/04/2005
13/03/2005 a 19/03/2005
20/02/2005 a 26/02/2005
13/02/2005 a 19/02/2005
06/02/2005 a 12/02/2005
30/01/2005 a 05/02/2005
02/01/2005 a 08/01/2005
19/12/2004 a 25/12/2004
12/12/2004 a 18/12/2004
05/12/2004 a 11/12/2004
28/11/2004 a 04/12/2004
21/11/2004 a 27/11/2004
14/11/2004 a 20/11/2004
07/11/2004 a 13/11/2004
31/10/2004 a 06/11/2004
17/10/2004 a 23/10/2004
10/10/2004 a 16/10/2004
03/10/2004 a 09/10/2004
19/09/2004 a 25/09/2004
12/09/2004 a 18/09/2004
05/09/2004 a 11/09/2004
29/08/2004 a 04/09/2004
22/08/2004 a 28/08/2004
15/08/2004 a 21/08/2004
08/08/2004 a 14/08/2004
01/08/2004 a 07/08/2004
25/07/2004 a 31/07/2004
20/06/2004 a 26/06/2004
13/06/2004 a 19/06/2004
06/06/2004 a 12/06/2004


Dê uma nota para meu blog


 Mude!
 Releituras
 Segredos da alma
 Cris...
 Schica
 Menina horrivel (linda)
 DaniLoka
 Mari
 Papá Anti-$ocial
 Lili Kindin
 Lua






Manifestações de um SubConsciente


Uma semente na terra.
Uma luz.
Um princípio de cor distante.
Mas perto.
Dentro.
Uma gota, uma brisa deliciosa...
Ela desabrocha no amanhecer de um novo tempo.
Linda! Perfeita!
Mas ainda não lembra seu nome.

Tudo a sua volta é novo.
Até mesmo as coisas mais conhecidas.
Ela tem medo das sombras que as nuvens fazem.
E dos olhos que surgem através delas.
Dos ventos soprando cantigas suspeitas.
– daquelas que arrepiam até os mais seguros –

Ela ama calada,
Pois não confia nos pássaros curiosos.
Tão pouco nas corujas que perturbam o silêncio da noite.
Mas aguarda o sol escalar as paredes do horizonte e o dia chegar.
Crê no que sente e sabe o que fazer.
Tudo fará sentido de novo...



 Escrito por Fernandokrigha às 22h38
| ...envie esta mensagem...